Argentina de 12 anos morre ao participar do ‘desafio do apagão’ no TikTok » Rádio Colmeia

Escute a rádio

Argentina de 12 anos morre ao participar do ‘desafio do apagão’ no TikTok


17 de janeiro de 2023

Imagem: Laura Luque/Facebook

Uma menina de 12 morreu sufocada ao tentar fazer um vídeo para o chamado “desafio do apagão”, que voltou a viralizar no TikTok. O caso aconteceu na sexta-feira (13), na cidade de Capitán Bermúdez, província de Santa Fé, na Argentina. O mesmo desafio gerou mortes na Itália e no Chile, em 2021.

Milagros Soto foi encontrada pendurada em um laço improvisado em seu quarto. Segundo as investigações do MPA (Ministério Público de Acusação), a menina tentou cumprir o desafio, que consiste em se enforcar amarrando um cadarço ou cinto no pescoço até perder a consciência e se libertar no último momento.

“Uma vez bloqueada a respiração, o objetivo é desmaiar por asfixia. Tudo isso é transmitido ao vivo nas redes e, quem consegue, avança no jogo. Nesse caso, não deu certo e a menor morreu na tentativa”, disse um dos agentes, segundo o jornal La Nación.

“Não temos consolo”, diz família. Após a morte da adolescente, uma tia de Milagros compartilhou uma publicação em seu perfil no Facebook contando sobre o caso e pedindo que a história fosse divulgada para conscientizar internautas sobre os perigos do consumo de redes sociais.

“Olá a todos. Meu nome é Lali. Torno público o que estou vivendo. Essa é a Milagros, minha sobrinha, que hoje (sexta-feira) perdeu a vida fazendo um desafio do TikTok. Por favor, peço que compartilhem. Minha família e eu não temos consolo”, afirmou Laura Luque.

Em nota, a escola Teniente General Pablo Riccheri, onde Milagros estudava, lamentou a morte da adolescente.

“Acompanhamos a família da nossa aluna neste momento terrível”, declarou a instituição, que descreveu a menina como “uma ótima aluna, companheira, doce, boa e amável”.

Outros casos

Milagros não foi a primeira vítima fatal do “desafio do apagão”. Em 2021, dois adolescentes morreram por causa do viral.

Um dos casos aconteceu em Palermo, na Itália, onde uma menina de 10 anos foi asfixiada após colocar um cinto no pescoço para tentar cumprir o desafio. Ela foi achada no banheiro por seu irmão, que tinha 5 anos na ocasião.

Depois da morte da criança, o governo italiano ordenou o bloqueio imediato das contas de usuários do TikTok menores de 13 anos.

Em novembro do mesmo ano, um menino de 12 anos morreu no Chile da mesma forma. Ele foi encontrado já sem vida em seu quarto, ao lado de um temporizador.

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia outras matérias relacionadas:


Mulher compra sofá usado, encontra cachorra dentro dele ao chegar em casa, e animal ganha novo lar em SC

Após chegar em casa com um sofá que havia comprado,uma mulher de Joinville, no Norte catarinense, se deparou com uma cachorra dentro do móvel. O item era usado e foi adquirido de outra mulher. O caso foi divulgado na web pela Frente de Ação pelos Direitos Animais (Frada) e a cadelinha ganhou um novo lar. “Estou feliz […]

Moradores da região de Rio dos Banhados em União da Vitória cobram ônibus

Seu Nelson Rocha e dona Matilda Alves Rodrigues, moradores do Rio dos Banhados, interior de União da Vitória, dependem de ônibus para ir ao médico, receber suas aposentadorias, fazer compras e pagar contas. Desde o fim das aulas do ano passado, o ônibus que fazia a linha da região em que moram foi retirado segundo […]

Tempo será de sol nesta semana no Vale do Iguaçu

O tempo no Vale do Iguaçu segundo o Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar) indica que a semana será de tempo estável e sol com a máxima em 27ºC. De acordo com o site, essa terça-feira, 7, a máxima chega aos 26º C sem probabilidade de chuva. Na sexta há indicação de […]