Qualidade da água da Sanepar é monitorada por rede de saúde pública » Rádio Colmeia

Escute a rádio

Qualidade da água da Sanepar é monitorada por rede de saúde pública


17 de novembro de 2021

Foto: Brunno Covello

Todos os resultados das análises laboratoriais de qualidade da água da Sanepar são monitorados por uma rede de saúde pública formada pela Vigilância Sanitária, Secretaria estadual da Saúde e Ministério da Saúde. Por ano, a Companhia analisa 7,5 milhões de parâmetros (recomendações técnicas) estabelecidos pelo Ministério, nos 346 municípios paranaenses atendidos pela empresa. Os resultados dessas análises são enviados por relatório para as Vigilâncias Sanitárias dos municípios, que alimentam o Sistema de Informação da Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano (Sisagua).

Além desse sistema, as mesmas informações ficam disponíveis para a população, no site da Sanepar, no campo “Qualidade da Água”. Os clientes podem consultar o relatório anual por localidade ou as atualizações de cada cidade em tempo real.

Assim que os resultados são inseridos no sistema, o consumidor já tem acesso às análises feitas em sua cidade. Os dados são claros e acessíveis. As informações também são enviadas mensalmente aos clientes na conta de água.

A gerente de Avaliação de Conformidades da Sanepar, Cynthia Castro Corrêa Malaghini, explica que o Sisagua garante confiabilidade aos dados das análises feitas pelas companhias de saneamento porque tem rastreabilidade de todo o processo. “Ou seja, uma vez inseridas as informações, em tempo real, não podem ser alteradas, a não ser com uma justificativa plausível, que fica também registrada”, afirma Cynthia.

SISTEMA – Há quatro anos, a Sanepar foi a primeira companhia de saneamento do País a implantar o Sistema de Gerenciamento de Informações Laboratoriais (LIMS – Laboratory Information Management Systems) em seus 153 laboratórios descentralizados e quatro grandes laboratórios centrais de Curitiba, Londrina, Maringá e Cascavel. Capaz de automatizar todos os processos, o LIMS garante rastreabilidade e segurança para os dados.

“Nenhum outro alimento é tão controlado quanto a água de abastecimento público. A divulgação de todas essas informações não apenas cumpre as exigências da legislação, como também confirma o compromisso da Sanepar com a transparência”, acrescenta Cynthia.

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia outras matérias relacionadas:


STF aprova a “revisão da vida toda” pelo INSS

O Supremo Tribunal Federal (STF) encerrou na tarde desta quinta-feira (1º) a análise da “revisão da vida toda” do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS). Onze ministros apresentaram seus votos, com placar de 6 a favor e 5 contra. Votaram a favor os ministros Alexandre de Moraes, Edson Fachin, Carmen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Rosa Weber e Marco […]

“Canoinhas não é terra de ladrão”, diz Juliana Maciel ao tomar posse como 1ª prefeita

Pela primeira vez na história, Canoinhas será comandada por uma mulher. Juliana Maciel Hoppe (PSDB) tomou posse na manhã desta quinta-feira, dia 1º, em sessão solene realizada na Câmara de Vereadores. “A minha postura enquanto política sempre foi de levar ao povo o melhor que tem dentro de mim, guiada sempre pelos passos de Deus, […]

Confira as vagas de emprego da Agência do Trabalhador de União da Vitória

Vagas de emprego estão disponíveis na Agência do Trabalhador de União da Vitória nesta sexta-feira, 02. Interessados em mais informações, podem procurar a agência com carteira de trabalho e número do Programa de Integração Social (PIS), das 8h às 14 horas. O atendimento aos trabalhadores, em relação a vagas e ao seguro desemprego, só serão […]