Copel leva Rede Elétrica Inteligente a Prudentópolis e São Mateus do Sul » Rádio Colmeia

Escute a rádio

Copel leva Rede Elétrica Inteligente a Prudentópolis e São Mateus do Sul


28 de novembro de 2023

Foto: Copel

A modernização do sistema elétrico no Paraná avança para novas regiões, com a expansão do programa que está trocando os relógios de luz convencionais por medidores inteligentes. Esta atualização tecnológica é realizada pelo Programa Rede Elétrica Inteligente, que está presente em 77 municípios, e agora chega a mais duas cidades: Prudentópolis, na região Centro-Sul, e São Mateus do Sul, no Sul do Estado.

Os novos equipamentos efetuam leitura automática, sinalizam a falta de luz diretamente para o centro de operações da Copel e permitem comandos remotos que tornarão mais rápida e eficiente toda a gestão dos serviços de energia elétrica no Estado.

Isto acontece porque, além dos medidores inteligentes instalados em cada unidade consumidora – sejam casas, comércios, indústrias ou estabelecimentos rurais -, a Copel está investindo em equipamentos de comunicação e automação implantados na rede da distribuidora. Eles são responsáveis pelo envio de informações às centrais de comando da Companhia, o que possibilita, por exemplo, encontrar o ponto de origem de um desligamento na rede de forma mais ágil.

O programa já instalou mais de 500 mil medidores, nas regiões Sudoeste e Centro-Sul do Paraná. Atualmente, as trocas dos relógios estão em reta final nos municípios de Araucária e Contenda, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), que já têm mais de 90% dos equipamentos substituídos. Em Fazenda Rio Grande, também na RMC, são 70% de medidores já trocados. Mais recentemente, os trabalhos iniciaram no município de Ponta Grossa, nos Campos Gerais, e agora se estende a Prudentópolis e São Mateus do Sul.

A substituição é feita pela empresa contratada Eleng, que tem aberto oportunidades de trabalho e oferecido treinamento nas localidades contempladas pelo programa da Copel. O orçamento previsto para o programa em suas três primeiras fases, que cobrem toda a faixa ao Sul do Estado, é da ordem de R$ 820 milhões.

A troca dos medidores dura em média 30 minutos, com a unidade consumidora desligada. O serviço é gratuito, e feito exclusivamente na entrada de serviço, como é chamada a estrutura onde fica instalado o medidor de energia. Os funcionários da Eleng estão identificados com crachá e levam uma carta de apresentação emitida pela Copel.

SERVIÇOS DIGITAIS – Após a instalação do medidor inteligente e sua conexão ao sistema, os clientes podem acompanhar seu consumo em tempo real por meio do aplicativo da Copel para celulares Android e iOS. Ele também serve para solicitar serviços, acompanhar débitos e recuperar as informações para pagamento de contas atrasadas, entre outras funções.

Como o medidor inteligente dispensa a visita mensal de uma pessoa para fazer a leitura do consumo do domicílio, no momento da troca do relógio a Copel também recomenda o cadastro para recebimento das contas de luz por e-mail. Além de evitar a impressão de papel, a fatura digital evita extravios, e serve como comprovante de residência assim como a conta impressa.

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia outras matérias relacionadas:


União da Vitória recebe The Big Circus um dos maiores circos do Brasil em Março

Globo da morte e o Mundo dos Dinossauros prometem encantar o público de União da Vitória e Porto União Em Março, dia 01, às 20h30, o The Big Circus estreia pela primeira vez em União da Vitória, no campo do São Bernardo Futebol Clube (Avenida Bento Munhoz da Rocha Neto) com uma atração especial: o […]

Cientistas criam “arroz de carne” para combater fome e desnutrição

A invenção consiste em grãos de arroz que foram implantados com células de boi em laboratório Cientistas da Coreia do Sul desenvolveram um novo tipo de alimento que pode ser uma solução para a fome e a desnutrição no mundo: o “arroz de carne”. A invenção consiste em grãos de arroz que foram implantados com […]

Reconstrução da BR 476 em debate no Sul do Paraná

A reconstrução da BR 476 está em debate nessa semana. A rodovia está em condições ruins há muitos anos e diversos acidentes já foram contabilizados infelizmente. Você acompanha agora a entrevista com o Deputado Estadual Hussein Bakri, um dos representantes da região da Amsulpar, que fala sobre o que está sendo feito. O Deputado Federal […]