Estradas do interior e transporte coletivo são assuntos da sessão da Câmara de Vereadores de União da Vitória » Rádio Colmeia

Escute a rádio

Estradas do interior e transporte coletivo são assuntos da sessão da Câmara de Vereadores de União da Vitória


10 de maio de 2022

Divulgação

A sessão da Câmara de Vereadores de União da Vitória dessa segunda-feira, 9, teve como assuntos principais abordados as estradas do interior do município e o transporte coletivo expostos no Grande Expediente pela vereadora Thays Bieberbah (PT).

Thays falou sobre a situação precária das estradas do interior, a falta de transporte coletivo nestas áreas, dificuldade de horários e até ausência do serviço, lembrando dos esforços dos colegas Pires, André e Cortellini que vivem cobrando providências neste sentido.

A vereadora ainda ressaltou que o aumento das tarifas do transporte coletivo não é da Câmara, e sim da TCI Transportes e que os Vereadores farão uma reunião com a Empresa prestadora do serviço em busca de melhorias na prestação do serviço.

No uso da Palavra Livre o assunto retornou como principal. Os vereadores Alex de Anastácio (PSD), Waldir Luiz Cortellini (PSB), Thays Bieberbach (PT), Emerson Lourenço Litwinski (PTC), Ednilson de Godoy (PV), Anderson Cardoso (PROS), Valdecir Ratko (UNIÃO) e Celso Rocha (MDB) debateram em relação a cobrança da Empresa fornecedora do transporte público municipal.

Godoy falou sobre a ausência de plataformas de elevação para transporte de cadeirantes, pessoas com deficiência e mães com carrinhos de bebês. Emerson atribuiu a culpa dos problemas nas estradas às gestões anteriores que não planejaram-se e hoje não existe maquinário suficiente e adequado para as obras.

Anderson comentou que esteve junto ao Presidente Cordovan Frederico de Melo Neto na Empresa que presta o serviço e comentou ser necessário avaliar os dois lados, sendo que o último reajuste aconteceu em dezembro de 2018, que com a pandemia muitos desafios foram enfrentados com um levantamento em mãos da Empresa, onde citava despesas para a prestação de serviço aos usuários.

Projetos aprovados na sessão

Em votação única o Projeto de Lei Ordinária nº 11/2022, que declara de utilidade pública municipal a Federação Paranaense de Fanfarras e Bandas.

Em 2ª discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 11/2022 de autoria do Executivo que dispõe sobre alteração da Lei Municipal 3628/2008, onde o valor anual da taxa de administração será de 0,40% aplicados sobre o somatório da remuneração de contribuição de todos os servidores vinculados ao RPPS apurado no exercício financeiro anterior.

Em 1ª discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 4/2022 que institui o Programa Apoio a Mulher, destinado às mulheres em situação de violência doméstica e familiar em situação de vulnerabilidade socioeconômica em União da Vitória. Thays pediu o apoio dos colegas reconhecendo que há muito se fazer para que as políticas públicas saiam do papel e que o Projeto venha para fortalecer este segmento. Emerson Lourenço parabenizou a colega.

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia outras matérias relacionadas:


Mega-Sena deste sábado paga prêmio de R$ 57 milhões

O Concurso 2.543 da Mega-Sena, que será sorteado hoje (26) à noite em São Paulo, pagará o prêmio de R$ 57 milhões a quem acertar as seis dezenas. O sorteio será feito às 20h no Espaço da Sorte, em São Paulo. Ninguém acertou as seis dezenas no último concurso, realizado quinta-feira (24) e o prêmio […]

Aneel anuncia bandeira tarifária verde para dezembro

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciouontem (25) a manutenção da bandeira tarifária verde no mês de dezembro para as contas de luz dos consumidores conectados ao Sistema Interligado Nacional (SIN). Com isso, não haverá cobrança extra na conta de luz pelo oitavo mês seguido. A justificativa da agência é que as condições de […]

Teor de biodiesel no diesel continuará em 10% até 31 de março

De 1º de janeiro a 31 de março, a mistura de biodiesel no diesel continuará em 10%. A medida foi assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, que aprovou parcialmente resolução do Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) publicada na última segunda-feira (21). Em nota, a Secretaria-Geral da Presidência da República explicou que a medida traz previsibilidade e segurança […]