Rádio Colmeia Ministério da Saúde alerta sobre ligações e SMS falsos de cadastro para vacinação » Rádio Colmeia

Escute a rádio

Ministério da Saúde alerta sobre ligações e SMS falsos de cadastro para vacinação


19 de janeiro de 2021

O Ministério da Saúde não liga e não envia SMS para que os cidadãos se cadastrem para tomar a vacina contra covid-19. O alerta foi feito pela pasta em 14 de janeiro, em nota e nas redes sociais oficiais.

As ligações do tipo são golpe com objetivo de clonar aplicativos de mensagens, alertou o ministério. A pasta reiterou que não faz agendamento de vacinação, não solicita dados das pessoas nem envia quaisquer tipos de códigos para usuários do sistema de saúde.

Fachada do Ministério da Saúde na Esplanada dos Ministérios

Nas ligações, os golpistas tentam extrair dados pessoais com promessas de agendar a vacinação. Numa das modalidades, pede-se que seja confirmado um código enviado por SMS, que dá aos golpistas acesso ao aplicativo de mensagens do dono do celular.

“O Ministério da Saúde não telefona para marcar vacinação e jamais pede esse tipo de confirmação de dados”, afirmou a pasta.

Se alguém receber ligações ou mensagens pelo celular com promessa de agendamento e solicitando dados pessoais ou outras informações, a orientação do Ministério da Saúde é que a pessoa não forneça qualquer dado e denuncie a autoridades competentes.

vacinação contra covid-19 já começou em maior parte do país, após a distribuição de um primeiro lote de 6 milhões de doses. A autoridades sanitárias alertam, no entanto, que neste primeiro momento somente públicos prioritários estão sendo imunizados.

A definição cabe a cada unidade da federação, mas em geral têm sido priorizados trabalhadores de saúde na linha de frente e idosos em casas de repouso. Por esse motivo, neste momento, “a população geral não deve procurar os postos de saúde”, frisa o Ministério da Saúde.

São Paulo

O governo de São Paulo também fez alertas contra sites falsos de cadastro para vacinação e confirmou a veracidade de seu próprio site, o Vacine Já, no qual cidadãos e cidadãs podem fazer um pré-cadastro para a imunização.

A iniciativa busca agilizar a coleta de dados e não realiza agendamentos, informou o governo de São Paulo. São pedidos dados como telefone, e-mail, endereço e data de nascimento. O cadastro completo será concluído no momento da vacinação.

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia outras matérias relacionadas:


Jovem de 18 anos morador de General Carneiro está desaparecido

O jovem de 18 anos, morador de General Carneiro, João Carlos Major, está desaparecido há uma semana. De acordo com informações, o rapaz é deficiente auditivo e não se comunica bem utilizando libras. João foi visto pela última vez na BR 476, sentido Lapa. Qualquer informação pode ser repassada no 190 a Polícia Militar.

Cruz Machado confirma 15 novos casos e três recuperados da Covid-19

Nesta quarta-feira, 3, o município de Cruz Machado registrou 15 novos casos de Covid-19 e três pacientes recuperados. As informações foram divulgadas por meio do boletim epidemiológico emitido pela secretaria de Saúde. Agora a cidade tem um total de 335 casos confirmados. Destes, 271 estão recuperados, 61 seguem ativos com cinco pacientes internados na enfermaria, […]

Compra de vacinas e descontos em Tributos são discutidos entre prefeito e vereadores em UVA

Vereadores de União da Vitória estiveram presentes na Prefeitura Municipal de União da Vitória solicitando e discutindo algumas ações concretas em relação ao decreto estadual que priva alguns comerciantes de abrirem seus negócios. Entre as propostas solicitadas e discutidas com o prefeito Bachir Abbas e seus secretários se destacam: Aquisição das vacinas através de consórcio. […]