Ministério suspende feiras de aves para evitar gripe aviária no país » Rádio Colmeia

Escute a rádio

Ministério suspende feiras de aves para evitar gripe aviária no país


30 de março de 2023

Agência Brasil

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) publicou hoje (30) uma portaria que suspende, em todo território nacional, a realização de exposições, torneios, feiras e demais eventos com aglomeração de aves. A medida, de caráter preventivo, tem validade inicial de 90 dias e foi tomada em função do risco de ingresso e de disseminação de casos de gripe aviária (influenza aviária) no país.

A portaria também suspende, em todo o território nacional, a criação de aves ao ar livre, com acesso a piquetes sem telas na parte superior, em estabelecimentos registrados.

A suspensão se aplica “a quaisquer espécies de aves de produção, ornamentais, passeriformes, aves silvestres ou exóticas em cativeiro e demais aves criadas para outras finalidades”, diz a portaria.

Vigilância

Em janeiro, nota técnica do Mapa alertou para a necessidade de adoção de medidas preventivas contra a gripe aviária em razão do aumento da notificação de casos de ocorrências de focos de influenza aviária (IA) em diversos países do mundo.

Na ocasião, o ministério determinou o aumento das atividades de vigilância sanitária nos estabelecimentos avícolas por parte dos órgãos Estaduais de Defesa Sanitária Animal. Além disso, também foi solicitada a realização de vigilância epidemiológica para a gripe aviária em todos os sítios de aves migratórias reconhecidos pelo Departamento de Saúde Animal (DSA).

A nota chamou atenção para a intensificação das atividades de vigilância sanitária e atenção às ações de fiscalização em todos os portos, aeroportos internacionais, postos de fronteira e aduanas especiais e a proibição da entrada de aves oriundas de países onde está presente a doença.

O ministério determinou ainda maior rigor dos requisitos para a importação de material genético de aves, para diminuir o risco de entrada da gripe aviária no país. “A influenza aviária é uma doença exótica no Brasil, nunca detectada nos plantéis avícolas nacionais, portanto, é fundamental que todos envolvidos na criação de aves mantenham um estado permanente de atenção e vigilância, para que os casos suspeitos possam ser imediatamente investigados pelo Serviço Veterinário Oficial.”

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia outras matérias relacionadas:


Prefeitura de União da Vitória realiza a Quermesse da União 2023 neste final de semana

A 2ª Edição da Quermesse da União será realizada neste sábado e domingo, 03 e 04, na Estação União e contará com apresentações artísticas das escolas e CMEIs municipais, além de comida típica e apresentações do Conjunto Os Moreiras, CTG Fronteira da Amizade e Anielle com a orquestra de Sanfonas. Organizada pelas Secretarias de Cultura, […]

Idosa viaja 70 quilômetros para estudar e realiza sonho aos 77 anos

E essa idosa que viaja 70 quilômetros para ir à escola e realizar o sonho de estudar? A distância é grande, mas a força de vontade e a determinação maiores ainda! Nada desanima esta senhorinha de 77 anos. Dona Francisca da Silva é de Mosqueiro, interior de Belém, e todas as terças, quartas e quintas […]

Hussein Bakri e região da AMSULPAR recebem secretários do Estado do Paraná

A quinta-feira (01) foi especial para a região da AMSULPAR, que lotou o Auditório da Unespar – Campus de União da Vitória para receber secretários estaduais do Governo do Paraná. Na ocasião, o Líder do Governo, deputado Hussein Bakri, acompanhado dos prefeitos, vereadores e suas administrações recepcionaram o secretário de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex; […]