Paixão de Carnaval pode durar sim: casal completa 70 anos de união » Rádio Colmeia FM

Escute a rádio

Paixão de Carnaval pode durar sim: casal completa 70 anos de união


30 de setembro de 2023

Divulgação

Quem diz que paixão de carnaval não dura é porque ainda não conheceu o casal Albertino e Lidia Marangoni: eles estão há 70 anos juntos e se conheceram na folia!

Os dois foliões moram em Guarapuava, Paraná. Ela tem 87, e ele 91. O namoro começou em um baile de Carnaval nos anos 1950 e de lá pra cá eles têm muita história. 12 filhos, 33 netos, 40 bisnetos e três tataranetos. O segredo para manter um relacionamento a tanto tempo? Paciência e respeito, dizem.

“Nunca trocamos uma palavra bruta, brusca, nunca. Sempre usamos a calma”, contou Alberto. “É só ter paciência e amar um ao outro”, completou Lidia. Para comemorar sete décadas de casamento, os dois fizeram a festa das Bodas de Vinho e a família esteve quase toda presente!

Primeiro encontro

Na época, as famílias dos dois moravam em Porto União, norte de Santa Catarina.

Lídia lembra que comprava queijos da mãe de Albertino e foi a partir disso que a paquera começou.

Como servia o Exército, dificilmente o rapaz conseguia ir para casa, e o início de tudo teve que esperar um pouquinho…

Ô Abre Alas!

No Carnaval de 1951, uma grata surpresa: folga para o militar!

Ao chegar no local onde morava, ele viu que a igreja da região sediava um baile de carnaval.

Fardado, e com a mochila nas costas, resolveu entrar no salão. Lá, encontrou Lidia e os irmãos, e perguntou se poderia acompanhar a jovem durante os festejos.

Na hora de ir embora, Albertino acompanhou a família até a casa e depois do feriado, voltou para o quartel.

Troca de cartas

E a paixão que começou no Carnaval jamais acabou.

Quem tomou a iniciativa foi Lidia. Ela passou a enviar cartas para o pretendente.

No quartel, Albertino estranhou quando recebeu uma carta diferente daquelas que a mãe costumava enviar.

A correspondência, enviada pela apaixonada, dizia que os dois poderiam se conhecerem melhor. E foi dito e feito. Logo veio a resposta e eles não pararam mais de se corresponder. O incrível é que os dois guardaram até hoje algumas das cartas de 70 anos atrás.

“Mandote (sic) esta fotografia como prova do nosso amor. Albertino Marangoni”, disse o rapaz em uma das correspondências enviadas.

Celebração do amor

É claro que, com todo esse amor, só podia dar casamento!

A celebração maior veio em 18 de julho de 1953. O casamento aconteceu em Porto União, Santa Catarina, e desde então eles já moraram em quatro cidades!

A festa das Bodas de Vinho foi realizada na cidade em que os dois moram há 30 anos.

Para comemorar os 70 anos de união, vários familiares compareceram para testemunhar o amor duradouro de Albertino e Lidia.

E como diz o Soneto da Fidelidade, de Vinícius de Moraes, “que seja infinito enquanto dure”.

Olha uma das cartinhas que eles trocaram:

**Via Só Notícia Boa

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia outras matérias relacionadas:


Inaugurado primeiro frigorífico de coelhos do Planalto Norte Catarinense

O Planalto Norte saiu na frente e nesta sexta-feira, 12, inaugurou o primeiro frigorífico de coelhos do Estado com registro no Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi-POA) emitido pela Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc). O Frigorífico da Associação dos Pequenos Agricultores Ecológicos e Orgânicos (Apaeco) fica na Colônia […]

Está chegando a 3ª Caminhada Intermunicipal “Caminho da Erva Mate”

A caminhada acontece entre União da Vitória e Porto Vitória Uma caminhada que reúne o que há de mais bonito e aprazível: O ambiente preservado de uma floresta, o rio Iguaçu, a força econômica da erva-mate que se revigora distribuindo riqueza e o Parque Histórico Iguassu, local icônico onde acontecerá a largada. A equipe organizadora […]

Associação Arte do Porto entrega nesta quinta o Troféu Valor Cultural

O prêmio é um reconhecimento ao excelente trabalho dos artesãos do município, que batalham pela manutenção de técnicas manuais e étnicas Na noite desta próxima quinta-feira, 18 de abril de 2024, as 19h30min, acontece na Sala de Eventos do Armazém 1, na Estação União em frente à Praça Hercílio Luz, a entrega do Troféu Valor […]