Pela 1ª vez na Câmara de Paula Freitas, Juiz Mattioli fala sobre violências contra crianças » Rádio Colmeia

Escute a rádio

Pela 1ª vez na Câmara de Paula Freitas, Juiz Mattioli fala sobre violências contra crianças


22 de junho de 2022

São 17 anos de trabalho e, de forma inédita, o magistrado palestrou na Casa de Leis se dirigindo aos parlamentares do município. Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes e Violência Doméstica tangenciaram sua abordagem, após convite feito pela vereadora Karina Souza Rosa e acatado pela mesa diretora. Carlos Mattioli mencionou ações desenvolvidas na Vara da Família e se colocou à disposição de Paula Freitas.

O juiz destacou que o objetivo atual da Justiça, por meio do Conselho Nacional, é de ser “essencialmente preventivo”, evitando o agravamento das situações. Buscando também meios alternativos à sentença, tentando promover o diálogo antes de sentenciar o réu envolvido numa tratativa judicial. Esse é o foco do seu trabalho, puxado por sua gestão junto à equipe e pautado em assuntos de cidadania e bem-estar social.

O projeto de Combate à Evasão Escolar, em curso há mais de 14 anos, é um dos diferenciais entre os 38 existentes na Vara da Família e CEJUSC, coordenados por Mattioli. Ação essa desenvolvida em conjunto com o Núcleo Regional de Educação (NRE) e Ministério Público (MP). No caso, as abordagens visam identificar violências e demais assuntos que levam crianças e adolescentes em não estarem na escola.

Carlos Mattioli, falando do tema proposto, citou a existência de 87% dos casos de violência contra crianças e adolescentes têm vínculos familiares. “O índice de práticas de tais crimes é assustador”, frisou. Emendando a questão aos casos de violência contra a mulher, em altos índices e com dificuldades de a vítima buscar por Justiça ou então se afastar de uma relação agressiva e abusiva contra si.

A compreensão dessas práticas criminosas, em especial contra crianças e adolescentes, é difícil de detectar até pela inocência. “Elas não chegando até a Câmara gatinhando, com suas chupetas, pedido por justiça”, ilustrou. Disso a necessidade da rede de proteção, em funcionamento na Comarca, para a detecção desses casos. Sustentado também no seu trabalho de criar vínculos por meio de palestras do magistrado e redes sociais.

Os mecanismos de escuta “de estender de mão” puxados pelo juiz, proporciona esse acesso para receber esses casos de violências, bem como, esse assunto é previsto em lei, proteção de crianças e adolescentes como prioridade. Carlos Mattioli se colocou à disposição para abordagens públicas e para atender as pessoas pelas redes sociais. Numa amplitude de trabalhar em conjunto para promover esses espaços de escuta.

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia outras matérias relacionadas:


PRC 280 entre Palmas e BR 153 será revitalizada

O governador Carlos Massa Ratinho Junior e o deputado Hussein Bakri inauguraram nesta quinta-feira, dia 30 de março, uma das obras mais aguardadas da região Sudoeste: a revitalização da PRC-280, entre Palmas e a BR-153. A rodovia, que é um dos principais corredores logísticos das regiões Sudoeste e Sul do Paraná, teve 59,55 quilômetros restaurados […]

Confira a programação completa da 2ª Osterfest em Porto União

Nos dias 31 de março e 1º e 02 de abril, a 2 ª Osterfest estará acontecendo em Porto União. Uma iniciativa do Instituto Cultural Grunenwald com apoio da Prefeitura de Porto União por meio da Secretaria de Turismo, o evento acontece no próprio instituto localizado na Rua Pedro Mazurechen no bairro São Pedro. De […]

TCU manda Marinha devolver R$ 27 mil pagos por Viagra superfaturado

O Tribunal de Contas da União (TCU) constatou a ocorrência de superfaturamento na compra de pílulas do medicamento Viagra pelas Forças Armadas, feita entre 2020 e 2021, e ordenou a devolução de R$ 27,8 mil aos cofres públicas.  A compra do medicamento foi realizada pelo Hospital Naval Marcílio Dias, no Rio de Janeiro. Ao todo, foram comprados mais de 35 […]