Rádio Colmeia

População é favorável ao Estacionamento Rotativo, mas com cobranças justas

agosto 28
20:36 2019

Foto: Marciel Borges/ Rádio Colmeia

A população de Porto União compareceu em peso na noite desta terça-feira, 27 de agosto, na Câmara de Vereadores do município para participar e dar sua contribuição sobre o Estacionamento Rotativo, debatido na Audiência Pública.

A Audiência Pública começou às 19h40, após o fim da sessão do dia da Câmara de Vereadores e do retorno do sinal da internet para que os trabalhos fossem divulgados pela página do poder legislativo. A ação foi comandada pelo vereador Hélio Weber e contou com a presença do advogado da Câmara de Vereadores, do Promotor de Justiça Tiago Davi Schmitt, e do Capitão da Polícia Militar, Paulo Ricardo Galler. No primeiro momento, em acordo com os vereadores, o espaço foi aberto para as perguntas da comunidade, em que cinco moradores inscritos fizeram suas devidas explanações. Em seguida foi a vez dos vereadores, Polícia Militar, advogado e Promotor de Justiça, de responderam cada questionamento.

A população aceita que o município precisa do Estacionamento Rotativo, mas reclama do projeto enviado para a casa de leis pelo prefeito Eliseu Mibach, sobre o fato das multas serem aplicadas pela Polícia Militar e ter perda de pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Um dos moradores destacou o trabalho das equipes de segurança pública da cidades, mas reclamou que se a Polícia Militar ficar só para atender o telefone de chamada para aplicar multa, vão deixar de cumprir o seu papel em outras funções.

Sobre o serviço a ser realizado pela Polícia Militar, o capitão Galle destacou qual será na prática, o papel de fiscalização da PM no sistema do Estacionamento Rotativo, acompanhe:

 

 

O Promotor de Justiça Tiago, destacou que muitas pessoas estão “rotulando” o Ministério Público de Porto União como o autor do projeto de lei, então explica qual é o papel do MP sobre esta matéria em prol de ajudar o morador:

 

 

O vereador Christian Agenor Martins, falou sobre seu voto e disse que a população não deve ser penalizada. Martins declarou que se o projeto não tiver alterações em prol do povo, vai votar contra e explicar os motivo do seu voto se houver mudanças:

 

 

O vereador Hélio Weber, que foi presidente da Audiência Pública, falou que os vereadores puderam ter uma noção do que a comunidade quer sobre o Estacionamento Rotativo:

 

 

Vale destacar que na noite desta terça-feira, não foi feita a votação da implantação do Estacionamento Rotativo em Porto União, mas sim, dado atenção a população para falarem suas opiniões sobre o projeto.

 

Os pedidos:

A população solicitou aos vereadores, que seja colocado no projeto mais vagas de carga e descarga, pois no município, atualmente, só existe uma vaga no centro de Porto União. Também pediram para ter a cortesia de 10 minutos toda vez que o motorista parar em uma vaga e que a empresa que for administrar o serviço, coloque pontos de venda para os créditos, sendo um serviço eficiente e ágil.

No projeto está previsto a colocação de parquímetro e segundo o presidente da Câmara de Vereadores, Carlos Roderlei Pinto, seria colocado de quatro a seis equipamentos em toda Porto União, mas ainda segundo Carlos Roderlei, é pouco equipamento para muitas vias da cidade que vão receber o serviço de Estacionamento Rotativo.

Durante está semana, os vereadores devem se reunir em seus gabinetes e discutir sobre este projeto, para em breve colocarem em votação.

Foto: Marciel Borges/ Rádio Colmeia

Artigos Relacionados

1 Comentário

  1. Marcelo
    Marcelo agosto 29, 17:54

    definam “preço justo”, seria mais barato para deixar o carro o dia inteiro? de que adiantaria se a cobrança é justamente para inibir este tipo de abuso??

    Reply to this comment

Escrever comentário

Calendário

novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Últimos Cometários

Parabéns pelo artigo,adorei!...

mas entao, eu vou falar este leve comentario. de inicio te digo parabens pelo excelente...

Esse sim um verdadeiro assalto a mão armada!...

Colméia no Facebook