Após conversa entre Porto União e Mistério Público, Sanepar deverá responder Inquérito Civil » Rádio Colmeia

Escute a rádio

Após conversa entre Porto União e Mistério Público, Sanepar deverá responder Inquérito Civil


27 de janeiro de 2022

Foto: Sanepar

Os munícipes de Porto União, principalmente dos bairros mais altos, vêm sofrendo ano após ano com a falta de água. A SANEPAR, estatal que atua na cidade de Porto União e de União da Vitória, é a empresa responsável pelo abastecimento.

Por treze anos a SANEPAR atuou em nosso município sem contrato, o que era usado como justificativa para a falta de investimento em melhorias para acompanhar o crescimento da população e o aumento de residências nos bairros mais altos.

Para colocar definitivamente um fim nesse problema, no dia 31 de março de 2018, o contrato com a SANEPAR foi devidamente oficializado e com ele, a promessa de investimentos substanciais. O contrato assinado com a validade de 30 anos prevê investimentos acima de 60 milhões de reais e nele a companhia estabelece algumas metas que a empresa deverá cumprir, além de investimentos em diversas áreas, como ampliação do sistema de esgotamento sanitário e melhoria no abastecimento de água.

Na época o prefeito Eliseu Mibach chegou a comemorar “O município estava sem investimento nenhum por parte da companhia, e agora, com investimentos, ganha-se em qualidade de vida para os munícipes, melhorando os índices de Porto União”, completa.

Os problemas não acabaram com a assinatura do contrato tanto que em agosto do ano passado, por ocasião dos repetidos episódios de falta de abastecimento, Eliseu e sua equipe se deslocaram para Curitiba. A comitiva esteve na Sede da SANEPAR para a repactuação da meta de tratamento de esgoto.

Aproveitando a ocasião onde estavam presentes Elerian Zanetti, Diretor Comercial; Claudio Stabile , Chefe Executivo e Anderson Coelho, Gerente de Comissões, Eliseu cobrou soluções para os problemas constantes de interrupção do fornecimento de água nos locais mais altos da cidade, como São Pedro e Vice King, onde foi prometido solução imediata com ajustes nos projetos e investimentos urgentes.

Embora soluções já tenham sido apresentadas no papel pela SANEPAR para abril do próximo ano, quando a quantidade de água tratada fornecida deveria duplicar, Eliseu foi taxativo: precisa da solução já!

Frise-se que a SANEPAR está com o plano de investimentos e metas contratada atrasada, motivo pelo qual foi objeto de notificação no segundo semestre do ano passado, porém, permaneceram inertes.

Agora o problema se repete. Era previsto. Basta uma onda de calor um pouco mais intensa para que o abastecimento fique comprometido e dezenas de famílias sejam prejudicadas.

O motivo ainda é o mesmo: falta de capacidade de abastecimento.

A SANEPAR responsabiliza os moradores que lavam calçadas, carros e enchem as piscinas quando na verdade não cumpre as metas de investimentos prometidas e contratadas.

Por esse motivo, o Prefeito Eliseu Mibach explica que é solidário ao problema dos moradores que muitas das vezes não têm sequer uma caixa de água, o que torna a situação ainda mais grave. Eliseu decidiu não protelar mais a situação, e na tarde de hoje, em conversa com o Ministério Público foram discutidas as demandas.

Acabou a paciência para o diálogo, agora é contratual.

Por isso o Ministério Público após conversa com o Município, instaurou Inquérito Civil n 06.2022.00000766-4.

Pelo inquérito, fica à SANEPAR a obrigação de apresentar em três dias relatório contendo:

1) os locais afetados e os períodos exatos de interrupção;

2) as razões individualizadas de cada interrupção, de modo documentado;

3) o aviso, prévio ou simultâneo, sobre a interrupção às comunidades e usuários afetados, de modo documentado;

4) o prazo previsto para restabelecimento de todos os pontos interrompidos.

O Município acionará a Agência Reguladora – ARIS para providências tendo em vista descumprimento contratual e falha recorrente na prestação dos serviços.

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia outras matérias relacionadas:


Morador de União da Vitória é vítima de estelionatários e tem quase R$ 15 mil retirados de conta no banco

Compareceu na sede do 27º Batalhão da Polícia Militar em União da Vitória nessa sexta-feira, 24, por volta das 14h55, um morador da área central, relatando que foi vítima de um golpe com cartões do banco. Disse que recebeu a ligação de uma pessoa que se identificou como funcionário do Banco do Brasil, onde tem […]

Avança licitação de obra para solucionar queda de rochas em União da Vitória

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) realizou nesta quinta-feira (23) a sessão de abertura dos envelopes com documentos de habilitação da obra de estabilização de taludes em trecho da PRC-466 em União da Vitória. O local é conhecido como um ponto de queda de barreira, principalmente em períodos de chuvas, e atualmente […]

Aneel mantém bandeira tarifária verde para julho

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) manteve a bandeira verde em julho para todos os consumidores conectados ao Sistema Interligado Nacional (SIN). Com a decisão, não haverá cobrança extra na conta de luz no próximo mês. É o terceiro o anúncio de bandeira verde realizado pela Aneel desde o fim da Bandeira Escassez Hídrica, […]