Rádio Colmeia CEJUSC e parceiros oficializam o ‘sim’ de 14 casais em casamento coletivo online em UVA » Rádio Colmeia

Escute a rádio

CEJUSC e parceiros oficializam o ‘sim’ de 14 casais em casamento coletivo online em UVA


14 de dezembro de 2020

Divulgação

A pandemia não permite aglomeração e nem recomenda eventos, por mais que reúna o mínimo de pessoas, mas todo ano o Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (CEJUSC) organiza casamentos comunitários e, em 2020, manteve as celebrações. A diferença foi que promoveu a cerimônia em ambiente virtual, mantendo a segurança dos colaboradores, parceiros e noivos, e transmitido pela internet.

“Feito em parceria com o Cartório do Registro Civil de União da Vitória (Mariangela Clivatti), Cartório Distrital de São Cristóvão (Julian Cristopher Belotto), Cartório Distrital de Porto Vitória (Inácio Mibach), e a Igreja Batista Filhos do Senhor, com apoio da Wooden Class, SESC, e prefeitura de União da Vitória”, ressalta o juiz Carlos Mattioli que coordena o CEJUSC. “Sem colocar ninguém em risco e possibilitando que os noivos pudessem oficializar seu estado civil de casados.”

Divulgação

Por conta da Covid-19, o evento foi on-line, com os casais das próprias residências ou em ambiente ofertado para boa conexão de internet, preservando a saúde de todos os envolvidos e da comunidade. Com o evento transmitido por redes sociais para que os familiares, amigos, e público de forma geral pudessem acompanhar.

O casamento coletivo teve a cerimônia transmitida do Wooden Class, sendo celebrado pelo juiz Carlos Mattioli, em conjunto com a Pastora Noemi Rodrigues de Oliveira. Contando com a presença do prefeito de União da Vitória, Santin Roveda. Os noivos e cartórios permaneceram conectados ao evento por meio de plataforma virtual. Tudo sendo transmitido pelo YouTube do CEJUSC e compartilhado no Facebook do Centro Judiciário e Vara da Família.

Divulgação

“Respeitamos as recomendações sanitárias e usamos das possibilidades virtuais existentes e, certamente regidos por forças espirituais, tivemos este êxito de oficializar, numa cerimônia formal, a vivência destes 14 casais. Tornando-os, assim, casados”, frisa o juiz. Para ter acesso à modalidade de casamento coletivo são seguidos os critérios socioeconômicos na seleção das pessoas, e é isento de qualquer taxa. “Com nossa equipe, colaboradores e o grupo da pastora Noemi, usando o espaço cedido pelo Wooden, tornamos possível tudo isso”, completa Carlos Mattioli.

Divulgação
Divulgação
Divulgação

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia outras matérias relacionadas:


Ministério da Saúde alerta sobre ligações e SMS falsos de cadastro para vacinação

O Ministério da Saúde não liga e não envia SMS para que os cidadãos se cadastrem para tomar a vacina contra covid-19. O alerta foi feito pela pasta em 14 de janeiro, em nota e nas redes sociais oficiais. As ligações do tipo são golpe com objetivo de clonar aplicativos de mensagens, alertou o ministério. […]

Porto União define retorno às aulas presenciais para dia 8 de fevereiro

Depois de uma reunião com os profissionais que compõem a Secretaria da Educação de Porto União, na semana passada, ficou definido que o retorno das aulas das instituições de ensino municipal será dia 8 de fevereiro. De acordo com a prefeitura, seguindo um plano de contingência, todas as escolas estão preparadas para receber os alunos […]

Caixa passa a ser a responsável por gestão do DPVAT

A Caixa Econômica Federal passa a ser a nova gestora do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres, ou por sua Carga, a Pessoas Transportadas ou Não (DPVAT). O anúncio foi feito nesta segunda-feira (18) pelo presidente da instituição financeira, Pedro Guimarães. Com o contrato firmado entre a Caixa e […]