Rádio Colmeia Porto União define retorno às aulas presenciais para dia 8 de fevereiro » Rádio Colmeia

Escute a rádio

Porto União define retorno às aulas presenciais para dia 8 de fevereiro


19 de janeiro de 2021

Depois de uma reunião com os profissionais que compõem a Secretaria da Educação de Porto União, na semana passada, ficou definido que o retorno das aulas das instituições de ensino municipal será dia 8 de fevereiro. De acordo com a prefeitura, seguindo um plano de contingência, todas as escolas estão preparadas para receber os alunos novamente.

Em entrevista para o Jornal Colmeia, na tarde de segunda-feira, 18, o prefeito municipal Eliseu Mibach esclareceu que o retorno do ensino fundamental e infantil será gradativo durante a segunda semana do mês de fevereiro. Para fazer as matriculas, os responsáveis devem ir até a escola mais próxima de sua residência, a partir do dia 1º de fevereiro.

(Foto: Arquivo Colmeia/2019)

“Vai voltar todos os alunos? Não. Aquele pai que não quiser mandar o filho para a escola, fica com o filho em casa e se responsabiliza por receber as matérias em casa via online e acompanhar o seu filho nos seus estudos. Mas não é obrigado a mandar para a escola para ter a aula presencial”, comenta o prefeito.

O plano de contingência elaborado pela Secretaria de Educação contempla termômetro, tapete sanitizante, distanciamento de um metro e meio dentro da sala de aula, uso de máscaras e álcool em gel, para e em todas as escolas municipais.

“Como funcionará? 50% da turma vem hoje, 50% vem amanhã, talvez estaremos dando aula nos sábados também, para fechar 6 dias na semana”, explica Mibach. O transporte escolar também operará com capacidade reduzida, apenas 50% da sua lotação máxima. Haverá um monitor, que medirá a temperatura de todos os alunos ao entrarem nos ônibus e orientará para sentarem em bancos alternados.

Então estamos preparadíssimos e prontos. O plano de contingência já está aprovado de todas as escolas. Nós só estamos agora, fazendo contato com os pais para fazer um levantamento de quais alunos que não vão participar das aulas presenciais a partir de 8 de fevereiro, para podermos preparar as matérias, de que forma nós vamos mandar essas lições para casa, como os pais vão acompanhar e assim nós queremos iniciar a educação.

Para ajudar no estudo dos alunos, o município providenciou a compra de tablets para os alunos acompanharem as aulas. “E também estamos comprando apostila do Grupo Positivo para que possamos melhorar ainda mais a educação do município. Já estamos também nos programando para a escola em tempo integral – escola pela manhã e à tarde. Estaremos contratando mais profissionais para que possamos ampliar essa educação, sempre pensando na recuperação do ano de 2020 que foi muito ruim a questão da educação”, complementa o prefeito.

Ouça a entrevista na íntegra:

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia outras matérias relacionadas:


Jovem de 18 anos morador de General Carneiro está desaparecido

O jovem de 18 anos, morador de General Carneiro, João Carlos Major, está desaparecido há uma semana. De acordo com informações, o rapaz é deficiente auditivo e não se comunica bem utilizando libras. João foi visto pela última vez na BR 476, sentido Lapa. Qualquer informação pode ser repassada no 190 a Polícia Militar.

Cruz Machado confirma 15 novos casos e três recuperados da Covid-19

Nesta quarta-feira, 3, o município de Cruz Machado registrou 15 novos casos de Covid-19 e três pacientes recuperados. As informações foram divulgadas por meio do boletim epidemiológico emitido pela secretaria de Saúde. Agora a cidade tem um total de 335 casos confirmados. Destes, 271 estão recuperados, 61 seguem ativos com cinco pacientes internados na enfermaria, […]

Compra de vacinas e descontos em Tributos são discutidos entre prefeito e vereadores em UVA

Vereadores de União da Vitória estiveram presentes na Prefeitura Municipal de União da Vitória solicitando e discutindo algumas ações concretas em relação ao decreto estadual que priva alguns comerciantes de abrirem seus negócios. Entre as propostas solicitadas e discutidas com o prefeito Bachir Abbas e seus secretários se destacam: Aquisição das vacinas através de consórcio. […]